Focaccia de tomate desidratado, azeitonas e alecrim | Receita 100% Biológica

A quietude de um domingo soalheiro serviu-lhe de palco. A escolha criteriosa dos ingredientes deram-lhe vida. O aconchego do cheiro que inebriou a casa juntou as pessoas à mesa e à sua volta.  Estou a falar de uma focaccia como poderia estar a falar de uma lasanha. Ou de uma pizza.  Itália não tem só a cozinha que mais me fascina e conforta, como tem a doçura intrínseca do saber-fazer mesmo que, à primeira vista, não se vislumbre qualquer arte.  Cortam-se pequenos pedaços igualmente toscos e abre-se uma garrafa de vinho condizente. O meu palato ratificou a crosta dourada e estaladiça e o quão guloso foi sentir os grãos de flor de sal, mas ,naquele momento, garanto-vos, não se pensa em nada que vá para além da mão que mergulha a focaccia em azeite puro, sem aditivos. INGREDIENTES 320 ml de água morna10 g de fermento de padeiro seco Bioreal50 ml de azeite biológico Casa São Miguel2 colheres de chá de mel1 colher de chá de sal475 g de farinha de espelta branca biológica1 cebola roxa biológica20 g de tomate desidratado biológico Desidrata3 hastes de alecrim fresco biológico Vasco Pinto1 mão de azeitonas pretas biológicas, descaroçadasFlor de sal biológica com,...

Continuar a ler

Risotto de cogumelos com abóbora assada

Uma das maiores virtudes deste trabalho é, sem dúvida, poder provar ingredientes que, de outra forma, passariam despercebidos na sua prateleira de supermercado. Refiro-me, neste caso em particular, aos risottos que já estão temperados e só precisam de um pouco de vinho, água, um bom queijo parmesão e alguns minutos para ganharem vida. Escolhi uma embalagem de risotto de cogumelos porcini da Cascina Belvedere, uma opção biológica e ideal para quem tem pouco tempo mas quer impressionar os convidados. Não há como correr mal, como errar no sal ou nos temperos, porque aquele pacotinho condensa tudo na medida certa. Para acompanhar, assei uma abóbora-manteiga temperada com tomilho e endro e abri uma latinha de filetes de atum dos Açores. Rápido e apetitoso, num verdadeiro elogio à simplicidade. INGREDIENTES1 abóbora-manteiga biológica, partida em pequenos cubos1 fio de azeite2 hastes de tomilho fresco biológico2 hastes de endro fresco biológicoSal e pimenta preta q.b.1 cebola biológica2 dentes de alho biológicos, sem gérmen1 embalagem de risotto funghi Porcini biológico Cascina Belvedere (250g)1 copo de vinho branco biológico600-700 ml de água bem quente2 cubos de manteiga4 colheres de sopa de queijo parmesão ralado PREPARAÇÃO Pré-aquecemos o forno a 200º C. Descascamos a abóbora, limpamos de sementes e cortamos em cubos similares. ,...

Continuar a ler

Bolachas de aveia e alperce | Receita biológica para crianças

Se é verdade que não tenho muito tempo para fazer bolachas, também é verdade que não teria paciência para isso. Pelo menos, numa base semanal. O facto de já existirem inúmeras opções relativamente saudáveis à venda no supermercado – sobretudo no espaço Bio & Natural do El Corte Inglés – ajuda muito quem se preocupa em comer ou oferecer aos filhos bons ingredientes. Importa, acima de tudo, saber ler os rótulos e interpretar a informação. Regra geral, os produtos embalados não são benéficos para a nossa saúde, embora não venha mal algum ao mundo se os consumirmos pontualmente.  Cá em casa, costumamos ter tostas de quinoa da Pain de Fleurs (que a Camila adora!) ou tortilhas de milho, sem açúcar e sem sal. E faço as minhas próprias bolachas, de vez em quando, sem complicar. A sugestão de hoje tem apenas cinco ingredientes. Foi validada pela nossa nutricionista favorita, a Catarina Trindade, e, por sinal, é feriado.  Não preciso de dizer mais nada, pois não? 🙂 INGREDIENTES [para 12-14 bolachas, a partir dos 12 meses] 100 g de flocos de aveia finos Nature Foods 30 g de amêndoas biológicas sem pele 4 alperces secos biológicos Pró Vida 2 bananas biológicas,,...

Continuar a ler

Bolo de maçã sem açúcar | receita biológica para crianças

Assim que testei este bolo de maçã pela primeira vez, num espaço de 24 horas fiz três fornadas.  Esta receita não tem açúcar – adoçámos com mel – e usei, pela primeira vez, óleo de côco num bolo. Fi-la especialmente para o programa Filhos & Cadilhos, do Porto Canal – podem ver aqui o vídeo (a partir do min’ 14:35) – e onde é sempre um enorme gosto regressar. Como dizia no programa, não sou a maior adepta deste tipo de gordura vegetal por ser saturada – e a  Catarina Trindade, nutricionista pediátrica, que acompanha a rubrica Sweet Bio For Kids aqui no blogue, foi comigo e dissipa essa questão. No entanto, como é nosso hábito, vinga sempre o bom senso e a diversidade de alimentos/nutrientes que ingerimos e oferecemos aos nossos filhos.  Nota importante: este bolo pode ser dado a partir dos 24 meses, uma vez que o mel pode ter presente uma bactéria que provoca o botulismo.  INGREDIENTES [a partir dos 24 meses] 1 e 1/2 maçãs golden biológicas85 g de farinha de espelta branca biológica (ou de aveia)2 ovos biológicos6 colheres de sopa de óleo de côco biológico (1ª extracção a frio)2 colheres de sopa de mel,...

Continuar a ler

Sumo verde de acelgas, melão e matcha [receita biológica]

Muitas vezes, e pelas mais variadas razões, não conseguimos ingerir a dose diária recomendada de fruta (3 a 4 peças) e de vegetais (aproximadamente 400 gramas).  Os sumos e batidos vieram colmatar em parte (e sublinho o em parte) esse problema e, ao mesmo tempo, simplificar a tarefa: “atiram-se” uma série de ingredientes a gosto para um liquidificador e está feito.  É claro que assumi-lo é demasiado redutor – porque um sumo não deve substituir um prato de legumes – e a variedade é sempre o mais importante. Nesta receita, introduzi um superalimento: o matcha. O matcha não é mais do que o chá verde moído, mas o facto de ser em pó torna-o super-concentrado, altamente nutritivo e possibilita resultados mais rápidos. Entre os principais benefícios estão a queima de gordura (acção depurativa), a redução dos níveis de colesterol e de stress e a prevenção de cancro. Tem um elevado teor de vitamina C (70 vezes mais antioxidantes do que o sumo de laranja), magnésio e proteínas. Obtido através da secagem das folhas que são depois moídas artesanalmente, o matcha Ox Nature é oriundo do Japão e podem encontrá-lo à venda no espaço Bio & Natural do El Corte Inglés. Pessoalmente, adoro a combinação de ingredientes:,...

Continuar a ler